♦ Atribuição Ordinária: 28/09, quarta 
Atribuição Extraordinária: 30/09, sexta
AS INSCRIÇÕES ANUNCIADAS NO POST ABAIXO SÃO APENAS PARA DOCENTES EFETIVOS, ESTÁVEIS E TODOS COM CONTRATOS ATIVOS (seja "O" ou "V").
Contrato ativo refere-se aos docentes que tiveram aulas atribuídas (mesmo que como eventuais) nos anos 2014 (e contrato aberto neste ano), 2015 ou 2016.
NÃO ESTÃO ABERTAS, no momento, INSCRIÇÕES PARA NOVOS DOCENTES.
Portaria CGRH-5, de 12-8-2016
Dispõe sobre as inscrições do Processo de Atribuição de Classes e Aulas para o ano letivo de 2017

A Coordenadora de Gestão de Recursos Humanos, considerando a necessidade de estabelecer datas, prazos e diretrizes para as inscrições do processo de atribuição de classes e aulas, expede a presente Portaria:

Artigo 1º - As classes e as aulas das escolas da rede estadual de ensino, obedecida à legislação pertinente, serão atribuídas para o ano letivo de 2017 na seguinte conformidade:

I - docentes efetivos;

II - docentes estáveis pela Constituição Federal de 1988;

III - docentes celetistas;

IV - docentes com vínculo assegurado em lei, a que se refere o § 2º do artigo 2º da Lei Complementar 1. 010/2007;

V - docentes com contratos vigentes celebrados nos termos da Lei Complementar 1.093/2009 e suas alterações.

Artigo 2º - Os professores efetivos e não efetivos, assim como os docentes com contrato ativo celebrado em 2014, 2015 e 2016, deverão efetuar inscrição para o processo de atribuição de classes e aulas de 2017, diretamente no site: http://drhunet.edunet.sp.gov.br/portalnet/, no período disposto artigo 3º desta Portaria.

Artigo 3º - A Inscrição e Solicitação de Acertos ocorrerão no período de 01-09-2016 a 02-10-2016, como segue:

I - Docentes efetivos:
a) confirmação e/ou solicitação de acerto na inscrição;
b) indicação para Jornada de Trabalho Docente: manutenção, ampliação ou redução b.1) o atendimento às jornadas indicadas ficarão condicionada à legislação vigente.
c) inscrição para atribuição de classes ou aulas nos termos do artigo 22 da Lei Complementar 444/85;
d) opção para atuação em classes, turmas ou aulas de Projetos da Pasta.

II - Docentes - Categorias “P”, “N” e “F”:
a) confirmação e/ou solicitação de acerto na inscrição;
b) transferência de Diretoria de Ensino;
c) opção para atuação em classes, turmas ou aulas de Projetos da Pasta.

III - Docentes - Categorias “S”:
a) confirmação e/ou solicitação de acerto na inscrição;
b) para esta categoria caberá inscrição exclusivamente para atuar em caráter eventual.

IV - Docentes com contratos ativos celebrados em 2014, 2015 e 2016, nos termos da LC 1093/2009 e suas alterações:
a) confirmação e solicitação de acerto de inscrição e indicações deverão ser realizadas no site http://drhunet.edunet.sp.gov.br/portalnet/;
b) para docentes com contratos ativos da Categoria “V” caberá inscrição exclusivamente para atuar em caráter eventual.

§ 1º - Os documentos comprobatórios relativos aos acertos solicitados de dados pessoais, e/ou formação curricular e/ou contagem de tempo, deverão ser entregues pelo docente na Unidade Escolar de classificação no prazo previsto no caput deste artigo, cabendo à Direção da Unidade Escolar, até às 18 horas do dia 10-10-2016:
a) no caso de docentes efetivos e não efetivos, proceder o acerto e em seguida, deferir ou indeferir a solicitação do docente.
b) no caso de docentes contratados nos termos da L.C. 1.093/2009.
b.1) proceder às atualizações quando se tratar de dados pessoais e/ou formação curricular e notificar à correção à Diretoria de Ensino.
b.2) quando se tratar de contagem de tempo, encaminhar a documentação pertinente à Diretoria de Ensino.

§ 2º - As Diretorias de Ensino deverão, até às 18 horas do dia 10-10-2016, deferir/indeferir as solicitações dos docentes efetivos e não efetivos, bem como proceder à atualização dos acertos requeridos e em seguida providenciar o deferimento ou o indeferimento da solicitação dos docentes contratados.

§ 3º - Após o atendimento à solicitação de acerto, ainda que indeferida, o docente deverá confirmar sua inscrição, até às 18 horas do dia 14-10-2016.

§ 4º - A responsabilidade da confirmação da inscrição é do próprio docente.

Artigo 4º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Instrução CGRH-1, de 12-8-2016 A Coordenadora da Coordenadoria de Gestão de Recursos Humanos, tendo em vista a uniformização dos critérios relativos à contagem de tempo de serviço para fins de classificação no processo de atribuição de classes e aulas, expede as seguintes instruções:

1 - Os ocupantes de cargo e de função-atividade da série de classe de docentes atuarão:
1.1 - Professor Educação Básica I - no ensino fundamental, dos anos iniciais do 1º ao 5º ano, na regência de classe;
1.2 - Professor Educação Básica I - no ensino fundamental do 6º ao 9º ano e no ensino médio na ministração de aulas.
1.3 - Professor Educação Básica II - no ensino fundamental do 6º ao 9º ano e no ensino médio, na ministração de aulas ou na regência de classe de educação especial ou na ministração de aulas no Serviço de Apoio Pedagógico (SAPE);
1.4 - Professor II - no ensino fundamental, do 6º ao 9º ano na ministração de aulas;

2 - De acordo com o previsto no inciso III do artigo 45 da Lei Complementar 444/1985, e considerando o disposto no artigo 6º da Lei Complementar 836/97, os docentes deverão ser classificados de acordo com o tempo de serviço no campo de atuação referente a aulas e /ou classes a serem atribuídas.
2.1 - Para efeito do disposto no item anterior, os docentes deverão ter a contagem de tempo de serviço, separadamente, em cada campo de atuação, equivalente à classe docente, até 30/06 do ano corrente ao da inscrição. Para o docente eventual calcula-se o tempo exercido no período supracitado considerando-se todas as unidades de exercício, excluídas as concomitâncias. 
2.2 - Para apuração de pontos será observado, conforme segue: 
a) Na Unidade de inscrição 0,001 por dia Até 10 pontos
b) No magistério 0,002 por dia Até 20 pontos
c) No cargo/ função 0,005 por dia Até 50 pontos
2.2.1 - Tempo na Unidade Escolar: Considera-se todo o tempo trabalhado na unidade escolar atual, no campo de atuação, mesmo que em períodos intercalados, computando-se também o tempo que atuou como eventual no mesmo campo de atuação, desde que não concomitante.
2.2.1.1 - Excetua-se do cômputo na Unidade Escolar, o tempo em que se tenha atuado em concomitância com a sede de classificação, em complementação de carga horária, visto que o mesmo já é computado na sede de classificação.
2.2.1.2 - Excetuam-se do cômputo na Unidade Escolar os períodos de afastamentos que não são computados para todos os efeitos legais.
2.2.2 - Tempo no Cargo: Será computado todo o tempo que tiver no cargo, do mesmo campo de atuação, mesmo que em períodos intercalados, ou seja, cargo anterior (exoneração) e desde que no sistema de contagem de tempo esteja associado a um mesmo DI, deduzidas as ocorrências de frequência conforme critérios de descontos do ATS.
2.2.3 - Tempo na Função: Será computado todo o tempo que tiver na função do mesmo campo de atuação, considerados todos os vínculos, mesmo que intercalados, ou seja, função anterior (dispensa) e desde que no sistema de contagem de tempo esteja associado a um mesmo DI, deduzidas as ocorrências de frequência conforme critérios de descontos do ATS.
2.2.4 - Tempo de Magistério: Será computado todo o tempo docente que no sistema de contagem de tempo estiver associado a um mesmo DI, independentemente de campo de atuação, deduzidas as ocorrências de frequência conforme critérios de descontos do ATS.

3 - Todos os tempos referentes aos vínculos funcionais objeto da classificação serão obtidos do sistema de Contagem de Tempo, desde que devidamente apontados.

4 - O aposentado que vier a ser nomeado para cargo ou for contratado para função docente, não terá computado, na nova situação, o tempo já considerado até a data da publicação da aposentadoria.

5 - O docente readaptado terá computado todo o tempo em que estiver neste afastamento para o campo de atuação.

6 - Os cômputos e descontos no tempo de afastamentos são realizados conforme critérios e deduções que se aplicam para concessão de adicional de tempo de serviço, de acordo com a Tabela de Incidência utilizada para o BFE e para Contagem de Tempo (PAEA), definida pela Unidade Central de Recursos Humanos.

7 - Esta Instrução revoga a Instrução CGRH-1, de 8-9-2014.

Atenção docentes das cidades de AGUDOS, AREALVA, AVAÍ, BALBINOS, CABRÁLIA PAULISTA, DUARTINA, IACANGA, LENÇÓIS PAULISTA, LUCIANÓPOLIS, PAULISTÂNIA, PIRAJUÍ, PIRATININGA, PRESIDENTE ALVES, REGINÓPOLIS e UBIRAJARA.
Os docentes dessas cidades, ou os docentes que desejarem aulas nas escolas dessas cidades, poderão participar das atribuições, tanto ordinária como extraordinária, sem a necessidade de se deslocar até a DE-Bauru. Para isso, siga atentamente os passos abaixo:
1. Acesse o link Atribuição à Distância;
2. Preencha corretamente os dados solicitados;
3. Envie o formulário dentro dos prazos exigidos.
Você será classificado normalmente entre os presentes no dia da atribuição e, caso as aulas estejam disponíveis em sua vez, elas lhe serão atribuídas. Você será comunicado do resultado da atribuição por e-mail ou telefone.

Nota: É necessário estar devidamente inscrito no processo de atribuição de classes e aulas 2016. Os docentes com contratos 'V', durante a vigência do Decreto 61466/15, não podem participar do processo de atribuição.

Clique na imagem para acessar o serviço de vídeo aulas em streaming do Ministério da Educação.

Portadores de cursos de bacharelado que queiram atuar na educação básica podem participar de programas de formação pedagógica.
A Resolução nº 2/97, do Conselho Nacional de Educação, estabelece normas para o funcionamento dos programas especiais de formação pedagógica de docentes para as disciplinas do currículo dos anos finais do ensino fundamental (a partir do 6.º ano), do ensino médio e da educação profissional em nível médio.
A conclusão desses programas confere, inclusive, o direito aos profissionais habilitados a participarem de concursos públicos. O programa é oferecido por várias instituições de ensino superior inclusive na modalidade de ensino a distância.
ATENÇÃO: CONVOCAÇÃO PARA ENTREVISTA

CLIQUE aqui para acessar a relação de convocados para entrevista e respectivos horários.

* Seleção e atribuição em atendimento de ação civil pública.
ATENÇÃO: as entrevistas foram adiadas. O novo dia e horário será comunicado em breve.

No atendimento de ação civil pública estamos selecionado docente para atuar como PROFESSOR AUXILIAR (25 aulas) de aluno matriculado no 2.º ano da E.E. "Prof.ª Ada Cariani Avalone".
Requisitos:
a) Ser docente regularmente inscrito no Processo de Atribuição 2016 (exceto assinalados como categoria 'V');
b) Estar inscrito no campo CLASSE ou, se inscrito no campo AULAS, ser portador de licenciatura em pedagogia.
Os docentes com inscrição deferida deverão participar de entrevista de caráter classificatório.
Cronograma:
Inscrições: até as 18 horas do dia 14 de agosto (domingo).
Publicação das inscrições deferidas: as 9 horas do dia 15 de agosto (segunda).
Entrevista: a partir das 14 horas do dia 15 de agosto.

CLIQUE AQUI para acessar formulário de inscrição.